Balluff - a trend-setter when it comes to a safe supply chain

Novo regulamento CE sobre a segurança da aviação implementado com sucesso

Transporte aéreo

Em 21 de março de 2012, a subsidiária de Stuttgart do Escritório Federal de Aviação de Braunschweig certificou a fabricante de sensores e provedora de redes industriais Balluff de Neuhausen a. d. F. com o status de "empresa de expedição oficialmente reconhecida" por ocasião de uma auditoria. Agora a Balluff faz parte das primeiras 100 empresas da Alemanha (entre 40.000 estimadas) que hoje possuem esta importante certificação oficial. Desta forma, os clientes da empresa podem ter a certeza de que a sua encomenda aérea continuará a ser recebida de forma rápida e confiável mesmo após 25 de março de 2013.

Para Balluff, este passo é uma consequência lógica em relação ao Regulamento CE 300/2008, que estabelece as condições básicas para o transporte aéreo na aviação civil. Portanto, desde 29 de abril de 2010, estão sendo aplicados os novos regulamentos da assim chamada "cadeia de fornecimento segura" conforme o previsto no regulamento de segurança UE VO (CE) 300/2008 e suas disposições de execução revisadas. Isso implica em grandes mudanças para as empresas que enviam suas mercadorias por via aérea, especialmente no que diz respeito às "empresas de expedição conhecidas" (BV). O status anterior de "empresa de expedição conhecida", que se baseava principalmente em uma autodeclaração, perderá a sua validade a partir 25 de março de 2013.

A partir desta data, apenas as remessas de carga aérea enviadas por uma "empresa de expedição oficialmente reconhecida", que atendam às medidas de segurança pertinentes, transportadas por agentes regulamentados e entregues no aeroporto à companhia aérea ou seus agentes de processamento, irão atender a todas as condições aplicáveis deste procedimento. Para obter esta certificação, as empresas precisam implementar diversas medidas, tais como, por exemplo, a nomeação de um oficial de segurança em aviação e pelo menos um suplente. Além disso, todos os envolvidos devem ser treinados, conceitos de segurança devem ser formulados e, se necessário, trabalhos de construção devem ser executados para evitar que pessoas não autorizadas entrem em zonas críticas. Por fim, a auditoria e validação são executadas no local por parte do Escritório Federal de Aviação.

Após 25 de março de 2013, todas as empresas sem certificação válida deverão entregar, antes da expedição, o seu frete aéreo agora "inseguro" para um prestador de serviços adequado, para que este seja inspecionado, verificado por raio X e liberado. É provável que isso resulte em uma desvantagem competitiva significativa, uma vez que, além dos custos adicionais, as empresas afetadas estarão sujeitas a atrasos na entrega devido aos tempos de processamento e espera.

"Estamos extremamente satisfeitos e orgulhosos de estar entre as primeiras 100 empresas na Alemanha a receber o status de LBA. Isso significa que, além de contribuir para a melhoria da segurança do transporte aéreo mundial, a Balluff é capaz de continuar a oferecer aos seus clientes o desempenho de fornecimento que eles estão acostumados. Para nós, este é mais um marco da "Segurança da cadeia de fornecimento", que pretendemos manter de forma consistente também no futuro." Hondo Santos/chefe do departamento de logística da Balluff GmbH.

Marketing

Marketing
Tel. +55 19 3876-9997

Enviar e-mail