Evitar falhas no processo de fabricação

Como Poka-Yoke garante a qualidade e a produtividade

Poka-Yoke

Como Poka-Yoke funciona

A fabricação ideal exige um controle de altos padrões de qualidade. Isto deve ser estabelecido através de um gerenciamento das falhas usando checagem com Poka-Yoke durante o próprio processo.

Toda a produção deve se tornar transparente, para que cada passo individual possa ser reconhecido. Para a prevenção de falhas, as deficiências típicas devem ser identificadas e as medidas corretivas devem ser implantadas antecipadamente.

Isto resulta em segurança da produção, permite ações rápidas de correção e ajustes imediatos em caso de mudança nos requisitos. Esta transparência e flexibilidade são garantidas pela aplicação dos sensores adequados.

O processo Poka-Yoke: identificar, implementar e controlar


1º passo: Identificar os pontos que apresentam problema
As causas típicas das falhas, como peças ausentes ou incorretas, avaliação insuficientes das cores, sequência de montagem deficiente ou, entradas de dados ou configurações de máquina executadas manualmente. Estas devem ser identificadas ou antecipadas.

Deficiências típicas

Fonte de falha: peças incorretas ou ausentes Fonte de falha: sequência de montagem deficiente Fonte de falha: passos de rosca Fonte de falha: uso de cores
Todas as peças estão presentes e foram corretamente selecionadas? As peças estão montadas corretamente? Os passos de rosca foram executados por completo? Todas as cores estão corretas?

2º passo: Implementar a detecção de falhas

Para evitar falhas, os sensores e sensores de visão verificam se todas as etapas do processo foram executadas corretamente.

Correspondência da posição, cor e material

Por exemplo, sensores para a medição de deslocamento e de distância são usados para a detecção de objetos e a verificação de sua posição. Desta forma, transdutores lineares de deslocamento monitoram o posicionamento correto das ferramentas. E todos os movimentos rotativos são controlados por sistemas de medição de deslocamento com codificação magnética.

Os sensores de cor identificam a cor correspondente, o material correto ou as diferenças de textura. Com os sensores de visão, diversas tarefas de verificação são executadas em uma única etapa de controle. Estes detectam de maneira confiável a presença/ausência de peças ou características, controlam a sua posição e dimensões. E leitura de códigos de barras.

Aprovado na correspondência de padrão Não aprovado na correspondência de padrão Monitoramento do posicionamento correto das ferramentas com transdutores lineares de deslocamento Os sensores Vision BVS executam várias tarefas de verificação em uma única etapa de controle
Através de uma correspondência de padrão (horizontal, vertical e rotação em 360°), os sensores Vision BVS controlam a presença de rolamentos e a distância correspondente. Os transdutores lineares de deslocamento monitoram o posicionamento correto das ferramentas. Em uma única etapa de controle, um sensor Vision BVS executa várias tarefas

3º passo: Controlar os desvios

Caso o objeto que está verificado apresente diferença em relação ao protótipo especificado, três processos podem ser usados para controlar o desvio: o retrabalho, a reclassificação ou a eliminação. Os sistemas RFID são usados para esta finalidade.

O RFID registra de modo completo cada uma das etapas do processo: todas as peças para fabricação usadas, todos os materiais e meios de produção identificados com hora, local e sequência. Estas informações sobre execução, processo e origem são documentadas de modo automático.

Todas as informações estão disponíveis em tempo real. Isso permite um rastreamento sem lacunas e correções no processo em curso. Produtos com defeito são retirados: reclassificados, retrabalhados ou eliminados. Em caso de retrabalho, estes são novamente retornados para o processo de fabricação. Etapas já executadas são desconsideradas.

Esta rastreabilidade resulta em processos de produção enxutos, simplifica os fornecimentos just-in-time e garante a qualidade do produto. Pois o RFID proporciona transparência, ou seja, uma visão geral completa de todos os níveis.

Identificação de produtos com defeito com sistemas RFID

O RFID garante a retirada de produtos com defeito para que estes possam ser retrabalhados, reclassificados ou eliminados.

Precisa de ajuda?

Suporte Técnico
Clique aqui

Fale Conosco
Clique aqui