Vantagens do IO-Link: Maior eficiência, menores custos
Vantagens do IO-Link: Maior eficiência, menores custos

Eficiência e redução de custos – as vantagens do IO-Link

A interface de comunicação IO-Link oferece vantagens concretas: a instalação rápida e econômica, o diagnóstico contínuo e a troca rápida de sensores. Já que estes podem ser parametrizados a partir de um ponto central. Como resultado final, isto proporciona maior flexibilidade e aumenta a eficiência da automação.

A instalação do IO-Link é fácil

Para o IO-Link basta um cabo standard, comum na indústria, com três ou quatro condutores. Com isto, esta interface standard é facilmente integrável no mundo fieldbus. Até dispositivos complexos podem ser integrados com facilidade. Particularmente interessante neste contexto: Também sem cabeamento blindado de alto custo, a comunicação digital garante segurança contra interferências. Neste processo, sinais analógicos são digitalizados sem perdas na conversão.

IO-Link aumenta a disponibilidade das máquinas

IO-Link permite a troca rápida e sem erros de sensores e diminui o tempo necessário para colocar o sistema em funcionamento. Os tempos de paralisação podem ser reduzidos substancialmente, uma vez que os parâmetros de um sensor IO-Link trocado são transferidos automaticamente do IO-Link Master ou do sistema de comando ao novo sensor. Colocação em funcionamento, alterações de formato ou trocas de fórmula podem ser executadas de forma centralizada através dos módulos funcionais do sistema de comando. Assim, você economiza tempo e reduz o potencial de erros a um mínimo. Outra vantagem para você: Dispositivos IO-Link não podem ser confundidos, uma vez que são identificados automaticamente.

IO-Link torna a manutenção mais orientada para a necessidade

Dados de diagnóstico contínuos de todo o processo ampliam os intervalos de manutenção, uma vez que as instalações e as máquinas passam por manutenção com menos frequência devido ao ajuste automático por IO-Link. Agora, um reconhecimento previdente de falhas também é possível. Pois os parâmetros completos dos processos são indicados de modo contínuo no sistema de comando.

IO-Link torna a operação mais eficiente

Sensores IO-Link podem ser posicionados, dentro das máquinas, diretamente no local de atuação, uma vez que o acesso ao sensor não é mais importante. Do ponto de vista técnico do processo, isto é ideal. O monitoramento de processos, a parametrização e a análise de falhas dos sensores IO-Link ocorrem no sistema de comando. O funcionamento das máquinas terá seu tempo otimizado. Além disso, retardos e distorções de sinais estão efetivamente eliminados. Pois a transmissão digital de dados proporciona uma alta qualidade do sinal. Abrangentes exigências para as aplicações podem ser realizadas de maneira simples com IO-Link. Já que dispositivos binários e também analógicos podem ser utilizados simultaneamente com sensores e atuadores IO-Link.

IO-Link proporciona um distribuidor contínuo de alta capacidade

Conceitos de comando com IO-Link proporcionam soluções simples e universais para uma rede distribuidora contínua e de alto rendimento, de maneira que você, com a interface universal, se beneficie de custos mais baixos, tornando-se mais flexível do que nunca.

Nós falamos IO-Link

As vantagens de IO-Link são evidentes: instilação fácil, elevada disponibilidade das máquinas, manutenção orientada por necessidade, operação eficiente e um distribuidor contínuo de alto rendimento. A Balluff, sendo um parceiro engajado na automação industrial, não apenas oferece um leque abrangente de produtos e serviços com dispositivos como IO-Link Master, IO-Link Hubs e sensores IO-Link, mas a Balluff também desenvolve junto com você as soluções para automação industrial que se adaptam com precisão às suas exigências e que podem ser utilizadas mundialmente.

Exemplos

  • Migração de fieldbus

    IO-Link assegura um alto fator de padronização

    Plug-and-Play em todos os distribuidores

    Como construtor de máquinas e instalações industriais, a sua atuação se desenvolve em escala internacional. Os seus produtos, portanto, devem ser adequados para as condições dos mais diversos países e ser compatíveis com os mais diversos tipos de rede.

    Independentemente dos países onde atua, o IO-Link permite que um único conceito para a instalação de campo seja suficiente para diferentes mercados: para Profibus, Profinet, Devicenet, Ethernet/IP, EtherCAT, CC-Link ou CC-Link IE/Field.

    Para adaptar o sistema de barramento, basta substituir o Master e você pode continuar trabalhando com esquemas elétricos quase idênticos.

  • Automatizar robôs

    Basta uma simples conexão M12

    Lucrar com tempos mínimos de parada

    Os sistemas modernos com robôs requerem muitos sensores – principalmente no braço do robô. No entanto, estes devem possuir pouco peso para que seja possível garantir a dinâmica e para que o consumo de energia seja mínimo. Além disso, o cabeamento complexo com cabos multipolares dificulta a obtenção de uma eficiência elevada.

    Com IO-Link, dificuldades desse tipo estão no passado, pois uma conexão padrão M12 é suficiente para garantir a função do robô – sem conectores especiais. Módulo E/A e ilha de válvulas são concatenados de forma simples e a complexidade é reduzida.

    Você realiza trocas rápidas de ferramenta com acopladores indutivos, pois estes transmitem, sem contato e simultaneamente, dados e energia através de um entreferro. Através de Plug-and-Play, a nova ferramenta é prontamente instalada e parametrizada automaticamente através do comando via IO-Link. Você não vai lidar mais com rupturas de cabos, mas sim lucrar com a grande flexibilidade e com tempos mínimos de parada.

    1. IO-Link Master; 2. Cabo fieldbus; 3. Cabo de alimentação, 7/8“; 4. Acoplador indutivo 40 × 40 mm, base, IO-Link, bidirecional; 5. Acoplador indutivo 40 × 40 mm, remoto, IO-Link, bidirecional; 6. Hub para sensores M12, configurável, E/A com ampliação; 7. Conectores para manifold IO-Link (Festo, Bosch Rexroth); 8. Hub para sensores M12, 16 entradas, PNP; 9. Cabo de ligação, M12 → M12, 4 condutores.

  • Remover a descentralização

    Comprimir e coletar sinais E/A

    Minimizar instalações críticas

    Com IO-Link, é necessário somente um endereço nó/IP para a transmissão dos dados de até 496 entradas/saídas. A compressão dos dados permite economizar endereços valiosos e minimizar instalações críticas.

    Aqui o hub configurável para sensores/atuadores IO-Link com porta de ampliação estabelece novos padrões. Em combinação com o IO-Link Master, ele abre possibilidades totalmente novas para uma ampliação descentralizada da sua topologia de rede distribuidora, pois nesta porta você pode ligar facilmente os conectores para manifold ou outro IO-Link Hub: Plug-and-Play é suficiente. Assim, você processa outras entradas/saídas – sem Master adicional.

    Configurar até 496 E/A

    Com um IO-Link Master 16 portas é possível configurar até 496 E/A. O alcance se duplica e os custos são reduzidos. Para implementar esta estrutura de distribuidor, um cabo standard sem blindagem é suficiente. Com isto, você utiliza toda a funcionalidade IO-Link e reduz o tempo de passagem de cabos.

    1. IO-Link Master 2. Cabo fieldbus 3. Cabo de alimentação, 7/8“ 4. Hub para sensores IO-Link, configurável, E/A com ampliação 5. Conector para manifold IO-Link (Festo, Bosch Rexroth) 6. Conector para manifold IO-Link (SMC, Parker, Norgren) 7. Conector para manifold IO-Link (Numatics) 8. Cabo de ligação, M12 → M12, 4 condutores

  • Rastrear dados

    Transparência máxima para o processo ideal

    Garantia de qualidade

    Através da combinação inteligente de RFID e sensores com IO-Link, você soluciona a sua tarefa de identificação e, ao mesmo tempo, processa sinais com baixo custo.

    Os sistemas RFID registram, para fins de garantia de qualidade, a sequência completa da produção e a tornam passível de rastreamento em tempo real. Todos os dados são documentados diretamente na peça de trabalho ou no pallet – independentemente das condições do ambiente, das distâncias de leitura/escrita e das tecnologias (baixa frequência – LF, alta frequência – HF, frequência ultra-elevada – UHF).

    Dependendo do volume de dados, podemos oferecer diferentes dispositivos: Processadores BIS V para processamento rápido de grandes volumes de dados – e se, ao mesmo tempo, quiser operar adicionalmente cabeças de leitura/escrita LF, HF e UHF, o processador BIS V processa todas as tecnologias RFID simultaneamente.

    Para tarefas standard de identificação, o IO-Link Master é adequado para integrar unidades I/O ou sensores/atuadores com capacidade para IO-Link. Assim, por exemplo, cada uma das etapas da produção pode ser representada adicionalmente com a luz de sinalização SmartLight.

    1. Profinet, 8 × IO-Link Master 2. Cabo Profinet, M12 → RJ45, blindado 3. Cabo Profinet, M12 → M12, blindado 4. Cabo de alimentação, 7/8“, 4 condutores 5. RFID industrial, processador Profinet 4 vias, 1 × IO-Link Master 6. RFID industrial, cabeça de leitura/escrita 7. RFID industrial, tag 8. Hub para sensores M12 (metal), 16 E/A, configurável 9. SmartLight IO-Link, 3 segmentos 10. Cabo de ligação, M12 → M12, 4 condutores

  • Medição, comando e regulagem

    Alimentação correta dos meios de processo

    No exemplo da alimentação de óleo para um cilindro hidráulico

    Com IO-Link e cabos padrão simples sem blindagem, você garante a alimentação correta dos meios de processo. Você precisa de apenas um IO-Link Master para coletar e encaminhar os dados. Para o circuito completo de comando do conjunto master, você utiliza, portanto, apenas um único endereço fieldbus.

    Por exemplo, para a alimentação de óleo de um cilindro hidráulico, todos os componentes associados – sensores de pressão, temperatura e vazão, regulador variável, válvula de comando e o próprio cilindro hidráulico – podem ser medidos, controlados e regulados de modo totalmente automático, assegurando assim a alimentação de óleo ideal.

    Os sensores realizam as medições da vazão, da temperatura e da pressão do óleo. Estes dados são repassados continuamente através do Master ao regulador variável, o qual compara os dados com o valor nominal, providencia, se necessário, um reajuste e emite uma mensagem de retorno ao Master.

    Agora, a ativação correta do cilindro hidráulico através da válvula de comando é possível. O Master também encaminha esta informação ao sistema de comando, o qual gera os comandos de ajuste para o cilindro hidráulico e para as válvulas de ajuste. Novamente através do Master, estes comandos chegam ao local de atuação. A característica especial - o circuito completo de comando pode ser instalado com cabos sem blindagem de três ou quatro condutores.

    1. Profinet, 4 × IO-Link Master; 2. Cabo Profinet, M12 → M12, blindado; 3. Cabo de alimentação, 7/8“, 4 condutores; 4. Sensor de pressão IO-Link; 5. Sensor de percurso BTL7, comprimento máx. 7620 mm; 6. Conversor analógico IO-Link, entrada 0...10 V DC; 7. Conversor analógico IO-Link, saída 0...10 V DC; 8. Hub para sensores M12, analógico 0...10 V DC, digital; 9. Cabo de ligação, M12 → M12, 4 condutores; 10. Cabo de ligação, M12 → M12, blindado, 4 condutores; 11. Ímã para sensor de percurso; 12. Cabo de alimentação, M12, 4 condutores.

  • Sinalização

    Diagnóstico contínuo dos estados operacionais

    Ajustável sem modificação mecânica

    Nos casos em que é necessário visualizar a sequência de produção, sem interrupções diretamente na linha de produção, a solução perfeita é a luz de sinalização SmartLight. SmartLight representa regimes e tendências, de modo que você possa verificar progressivamente diferentes estágios. Isto otimiza os tempos de ciclo e indica precocemente a formação de gargalos ou a necessidade de executar tarefas de manutenção.

    Particularmente interessante neste contexto: Os diferentes modos – modo de luz móvel, modo de segmento e de nível – podem ser ajustados sem modificações mecânicas. Através do sistema de comando, você seleciona entre luz móvel e gradiente de cor ou a indicação de até cinco segmentos de cor.

    É importante saber: Uma instalação posterior de SmartLight é simples.

    1. IO-Link Master 2. Cabo fieldbus 3. Cabo de alimentação, 7/8“ 4. SmartLight IO-Link, 5 segmentos e buzina 5. Cabo de ligação, M12 → M12, 4 condutores 6. Suporte/pé para SmartLight IO-Link, altura 400 mm 7. Suporte/pé para SmartLight IO-Link, altura 100 mm

  • Montagem e manuseio

    Um distribuidor de rede para tarefas complexas

    Conjuntos de construção passíveis de redução

    Seja para agrupamento de sinais, comutação pneumática, registro e rastreamento de dados ou para a indicação de estados operacionais por meio da luz de sinalização SmartLight – um distribuidor de rede, atuando como compressor descentralizado de dados, soluciona estas tarefas complexas: todas as funções analógicas, aplicações RFID, ativação de válvulas, sinalização e utilização descentralizada de E/A.

    Um IO-Link-Master é suficiente por segmento de fabricação. Diferentes conjuntos de construção podem ser reduzidos desta maneira e opções de equipamentos podem ser escolhidas e rejeitadas. Isto cria uma grande flexibilidade para você. E economiza dinheiro. Simultaneamente, um IO-Link-Master é excepcionalmente potente. Ele reúne outros pontos positivos com os recursos adicionais como display, switch integrado e servidor de rede que o tornam especialmente fácil de operar.

    1. IO-Link Master 2. Cabo fieldbus 3. Cabo de alimentação, 7/8“ 4. Hub para sensores M8, 16 entradas, PNP 5. Conectores para manifold IO-Link (Festo, Bosch Rexroth) 6. SmartLight IO-Link, 3 segmentos 7. RFID industrial, cabeça de leitura/escrita 8. RFID industrial, tag 9. Cabo de ligação, M12 → M12, 4 condutores 10. Cabo de ligação RFID, M12 → M14, blindado, 4 condutores

Saiba mais sobre o IO-Link da Balluff -

Indústria 4.0 Competência concentrada para automação industrial

Tecnologia de rede industrial Redes distribuidoras com IO-Link

Safety over IO-Link Segurança com a qualidade Balluff

Garantia da qualidade Melhorar os processos, garantir qualidade